Quiche de Frango, Chili e Cebola Caramelizada - Flor de Sal Marnoto

Marnoto - Já chegou à nossa cozinha!
A marca tem na sua origem o nome da profissão das pessoas que trabalham nas salinas. Marnoto ou salineiro é o nome que se atribui às pessoas da região que que trabalham nas salinas.
A sua gama é transversal ao sal marinho tradicional e flor de sal, comercializada em diferentes embalagens.
http://www.necton.pt/marnoto - O SAL QUE TEMPERA A VIDA!




Ingredientes
1 peito de frango assado que sobrou
4 cebolas médias cortadas em meias luas muito finas
100ml de azeite
1 colher de chá de açúcar amarelo
1 colher de sopa de molho chili
2 malaguetas vermelhas frescas (1 picada e outra cortada em tiras)
Flor de sal Marnoto q.b.
Pimenta q.b.
200g de cogumelos em lata inteiros
1 Base de massa quebrada (usei de compra)
200ml de natas light
2 ovos
Sal e pimenta q.b.

Preparação
Levar o azeite a aquecer e juntar a cebola cortada em meias luas finas.
Quando a cebola cozer e ficar translúcida, tempera-se de sal e pimenta e adiciona-se o açúcar.
Deixa-se caramelizar. mexendo de vez em quando.
Picar uma malagueta e adicionar, juntamente com o molho de chili e os cogumelos.
Cozinha mais 5 minutos.
Deixar arrefecer.

Ligar o forno a 170º
Forrar uma tarteira com a massa quebrada e picar a base da tarte com um garfo.

Colocar o recheio na tarteira e distribuir uniformemente pela base da massa.

Bater, com uma vara de arames, as natas com os ovos, temperadas de sal e pimenta a gosto.
Verta este preparado na tarteira e leve ao forno durante 40 minutos aproximadamente ou até ficar douradinha.







Petit Gateaux de Chocolate e Menta

  E eis que entramos oficialmente na Primavera!!!!
Aqui fica uma sugestão para celebrarmos a data de hoje :)






Vaqueiro Sabor a Manteiga

Vaqueiro Sabor a Manteiga é um creme vegetal com um delicioso sabor e aroma a manteiga, ideal para cozinhar todo o tipo de pratos. Pela sua textura cremosa deixa os seu bolos ainda mais fofos e apetitosos. Conheça as receitas e surpreenda-se com os resultados perfeitos.

Ingredientes
4 ovos
4 gemas
150g de açúcar
1 colher de café de essência de baunilha
80g de farinha
150g de chocolate em barra
50g de chocolate com recheio de menta
200g de Vaqueiro Sabor a Manteiga

Preparação
Ligar o forno a 200º
Bater os ovos, as gemas, a baunilha e o açúcar até obter um creme fofo, volumoso e esbranquiçado.
Adicionar a farinha peneirada e envolver.
Derreter os chocolates em pedaços e a margarina Vaqueiro de 30 em 30 segundos no microondas ou em banho maria. Mexer bem o chocolate e a vaqueiro até obter uma mistura homogénea.
Junte o chocolate aos ovos batidos com o açúcar e mexa bem com uma vara de arames até estar tudo muito bem misturado.

Eu fiz numa assadeira, mas a receita original diz para fazer em forminhas individuais e levar ao forno 7 minutos. A minha ficou no forno 25 minutos. Retirar e deixar arrefecer ou comer morno com uma bola de gelado e framboesas. Também acompanha muito bem com natas e as framboesas.




Um suspiro p'ra mim... Um suspiro p'ra ti... E a vida sorri!



"Pega-se em metade do Oceano
e juntam-se-lhe terras desconhecidas.
Deixa-se marinar alguns anos
e tapa-se com um manto de neblina.
Lavam-se as saudades em lágrimas
e põe-se a glória em banho Maria,
para voltar a usar um dia.
À parte coloca-se o fado bem apurado,
o futebol bem jogado, e um ou outro pregão
das entranhas gritado.
Desfaz-se a língua em poemas,
odes e cantigas
ou então canta-se à desgarrada.
Rima improvisada.
...
E serve-se assim Portugal,
..."

Posted in Poemas on 26 de Abril de 2010 by Suspiro da Alma

Ingredientes
3 Claras
300g de açúcar em pó
1 colher de sopa de sumo de limão
1 colher de café de essência de baunilha
1 colher de café de canela em pó
1 colher de café de corante azul ou outra cor da sua preferência

Preparação
Começar por bater as claras e vá aos poucos e com muito carinho adicionando o açúcar em pó e os restantes ingredientes.
Continue a bater na velocidade máxima, pacientemente até que obtenha uma massa espessa e volumosa. Este processo demora no minímo 20 minutos.
Divida a massa, com a ajuda de um saco pasteleiro por forminhas de papel plissado 
Leve ao forno a 120º, durante 50 minutos, com a porta do forno entreaberta. Utilize uma colher de pau para prender a porta do forno, de forma a que esta não feche.
Depois, desligue o forno e deixe que arrefeçam completamente.

Nota: com as 3 gemas fiz um doce de ovos rápido: levei ao lume num tachinho pequeno 3 colheres de sopa de açúcar e 3 colheres de sopa de água até atingir o ponto pérola. Retirei, deixei arrefecer uns minutos e depois misturei em fio nas gemas, mexendo sempre. Voltei a verter para o tacho e levei a lume baixo, mexendo sempre até engrossar. Deixe arrefecer e verta por cima dos supiros quando tudo estiver frio.


Bons suspiros!

Compota de Morangos, Ruibarbo e Moscatel

Esta receita nasce da necessidade de dar uso a duas latas de conserva de Ruibarbo, que me ofertou a Mónica Melo Correia, já no final do ano passado.
Nunca comprei ruibarbo fresco que é conhecido por ser rico em vitamina A e C, cálcio e potássio. Nem sempre se encontra e o seu preço é normalmente alto.
Não sei se ao usar fresco o efeito é o mesmo, mas esta compota ficou muito boa!

Se usar ruibarbo fresco deve preparar da seguinte forma:
1º Lavar os talos e cortar as extremidades
2º Cortar os talos em pequenos pedaços
3º Para 1 Kg de ruibarbos deixá-los dentro de um tacho a macerar de um dia para o outro, para fazer a compota ou o doce

Como usei de conserva, retirei da lata e deixei que escorrecem o liquido, para os utilizar no processo da receita que apresento a seguir.


Ingredientes
1,5 Kg de morangos
400g de ruibarbos escorridos
700g de açúcar
1 estrela de aniz
1 Pau de canela
100ml de moscatel ou outro vinho doce
1 colher de café de essência de baunilha

Preparação
Lavar os morangos e retirar o pé. Cortar ao meio.
Colocar todos os ingredientes no tacho até começar a ferver.
Depois deve-se reduzir o lume.
Vai formar ao de cima uma espuma amarelada, que deve retirar com uma escumadeira.
Não volte a aumentar o lume, pois o doce vai sair por fora, porque ferve bastante.
Tratando-se de morangos e por terem uma maior percentagem de água, a cozedura vai ser mais prolongada até que atinja o ponto desejado.
Esta quantidade demorou um pouco mais do que 3 horas e meia a fazer.

Divida o doce por frascos esterelizados e guarde-os longe da luz.
Aqui têm um link onde podem ver a explicação necessária sobre a esterelização dos frascos.
https://www.facebook.com/notes/o-barruiguinhas/dicas-de-como-esterilizar-os-frascos-para-os-seus-doces-ou-compotas/459432240790228


Bom Apetite :)

Macarrão com Queijo Creme de Tomilho e Manjericão





Receber os amigos e a família em casa é provavelmente, para mim, um dos maiores prazeres que tenho na vida. Completa-me e enche-me a alma a partilha à mesa de muito mais do que uma refeição... este foi um desses dias!

Recorri ao queijo creme com tomilho e manjericão que a Cabra Palhais me ofertou e o resultado foi só este :)

Ingredientes
250g de macarrão (ou outra massa a gosto)
1 cebola picada
1 Malagueta vermelha fresca finamente picada
1 dente de alho picado
Salsa e coentros picados q.b.
50ml de azeite
Sal e pimenta q.b.
Manjericão fresco migado
Queijo creme com tomilho e manjericão da Cabra Palhais - Saloio

Preparação
Coza a massa em água fervente temperada com sl, respeitando o tempo de cozedura indicado na embalagem.
Numa frigideira aqueça o azeite e acrescente a cebola, o alho, a malagueta, a sala e os coentros.
Deixe cozinhar em lume brando até a cebola cozer. Tempere de sal e pimenta.
Escorra a massa e envolva no preparado anterior. Neste momento envolva 2 colheres de sopa cheias do creme de queijo.
Salpique com o manjericão fresco e sirva de imediato.

Eu acompanhei com umas salsichas frescas grelhadas :)

Bom Apetite :)



Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...
Pin It button on image hover