31 de outubro de 2010

Bolo de Bolacha com Natas


Ingredientes

2 pacotes de bolacha maria
6 dl de natas
3 dl de café frio + 0.5dl
10 colheres de sopa de açucar
10 folhas de gelatina
Para a cobertura
3 gemas
100 g de açucar
0.5dl água
1 colher de chá de maizena
Amendoa laminada para decorar

Preparação
  • Coloque as folhas de gelatina numa tigela com água fria para amolecerem.
  • Leve ao lume os 0.5 dl de café  e quando estiver quente coloque as folhas de gelatina escoriidas e mexa bem. Reserve.
  • Bata as natas bem firmes e junte o açucar. Em seguida envolva o preparado com a gelatina.
  • Arranje um prato de servir para poder começar a fazer o bolo.
  • Ponha os 300 ml de café numa taça e nele vá molhando as bolachas e coloque-as em circulo no prato. Em seguida barre com uma camada de natas. Vá fazendo camadas de bolachas e natas e termine com natas. Guarde no frio enquanto vamos fazer a cobertura de doce de ovos.
  • Leve a água e o açucar ao lume até fazer o ponto de pérola. Retire do lume e deixe arrefecer um pouco.
  • Numa tigela bata as gemas com a maizena e mexa muito bem. Misture na calda de açucar, em fio, mexendo sempre. leve mais uma vez em lume baixo e mexendo sempre com uma colher de pau para os ovos cozerem e engrossar.
  • Coloque o doce de ovos numa tigela e leve ao frio.
  • Quando o doce de ovos tiver frio barre por cima do bolo de bolacha.
  • Decore com amêndoas laminadas.
  • Deixe ficar no frio algumas horas e sirva.
Bom Apetite :)

Delicia de Chocolate e Uísque

Hoje vou almoçar em casa da minha amiga AP, um belo de um cozido. Ontem preparei uma sobremesa para levar e aqui fica para que também possam fazê-la.


Ingredientes:

200 g de chocolate em barra para culinária
8,5 dl de natas
10 folhas de gelatina
Meio cálice de Uísque
10 palitos de champagne
80 g de açucar
0,5 dl de leite
1 lata de leite condensado

Preparação

Coloque as folhas de gelatina num recipiente com água fria para amolecerem (cerca de 3 minutos), Derreta o chocolate juntamente com 2.5 dl de natas e mexa com uma vara de arames até ficar com uma textura homogénea. Numa forma redonda coloque os palitos de champagne de forma a forrar o fundo da forma. À parte misture o leite condensado e o Uísque e adicione ao chocolate envolvendo tudo muito bem. Leve o leite ao lume e nele misture as folhas de gelatina escorridas e junte ao prepradado anterior. Batas as restantes natas de forma a ficarem bem duras juntamente com o açucar. Envolva os dois preparados. Coloque na forma e leve ao frio de um dia para o outro. Os palitos vão ficar a boiar no preprado, mas é normal porque fica um pouco liquido. depois de frio e como tem a gelatina vai endurecer. Para desenformar afaste a tarte da forma com a ajuda de uma faca e mergulhe a forma num pouco de água quente por alguns segundos para que desenforme facilmente. Vire para um prato e já está. decore a seu gosto.

Bom Apetite :)


30 de outubro de 2010

Sonhos de Abóbora de Sonho

Alguém especial fez-me o pedido para que fizesse esta receita hoje e aqui fica para também partilhar convosco! Posso dizer que estão de comer e chorar por mais...


Ingredientes

1 Kg de abóbora
Sal
4 ovos
350 g de farinha
6 colheres de sopa de açucar
1 colher de chá bem cheia de fermento em pó
1 copo (tipo shot) de aguardente
Raspa e sumo de 1 laranja
Açucar
Canela em pó

Preparação

Descasque e limpe a abóbora. Coloque num tacho a cozer com água temperada com uma pitada de sal. Deixe cozer bem, escorra e reduza a puré mas não demasiado. Bata os ovos à parte e junte à abobora. Adicione o açucar, a farinha, o fermento, a raspa e sumo da laranja e a aguardente.
Frite colheradas em óleo bem quente e passe por umma mistura de açucar e canela.

Bom Apetite :)

Torttellini de Espinafres com legumes Gratinados

Não tinha ideia do que fazer para o almoço. Abri o frigorifico e vi: beringela, tomate, pimento, salsa e uns Torttellinis com recheio de espinafres. E saiu esta receita maravilhosa!


Ingredientes

1 beringela
3 tomates
1 pimento
1 cebola
12 Torttellinis com recheio de espinafres (encontra em qualquer hipermercado)
Salsa
2 dentes de alho
6 colheres de sopa de azeite
Louro em pó
Sal
Pimenta
Sal
2 colheres de sopa de vinho branco
Queijo ralado
Margarina

Preparação

Pele e retire as sementes aos tomates. Corte em gomos pequenos. descasque a beringela e corte em cubos pequenos. Limpe o pimento e corte em rodelas finas. Pique salsa. Pique a cebola e os alhos para um tacho com o azeite e leve a refogar ligeiramente. Junte todos os legumes que cortou ao refogado, juntamente com o vinho branco e tempere com sal, pimenta e louro a gosto. Deixe cozinhar bem em lume brando. no final peque em cerca de 12 torttellinis e coloque por cima. Tape o tacho e deixe cozinhar mais 5 minutos.
Unte um pirex com margarina. Coloque o preparado no pirex, deixando os tortellinis por cima. Polvilhe com queijo ralado a gosto e algumas nozinhas de margarina espalhadas. Leve ao forno a 200º cerca de 15 minutos até gratinar. Retire e sirva.

Bom Apetite :)

Doce de Abóbora

Cozinhar é como contar uma história, com princípio... meio... e sem fim! Pois a memória dos sabores e dos aromas é eterna.

Ingredientes
1 kg de abóbora
750 g de açúcar
2 paus de canela
Raspa de 1 laranja

Preparação

De um dia para o outro coloque a abóbora (descascada, limpa de pevides e cortada em pedaços) dentro de um tacho com o açúcar.
No dia a seguir leve ao lume com a raspa da laranja e os paus de canela. Deixe cozer muito bem e mexa de vez em quando. Coza até a abóbora se desfazer bem, mexendo sempre até ficar com a textura do seu agrado. Se quiser pode passar pela varinha mágica.
Divida por potes de vidro e deixe arrefecer.
É óptima para acompanhar com requeijão ou barrada em tostas.

Bom Apetite :)

Rabanadas em Calda de Laranja

Cozinhar é como contar uma história, com princípio... meio... e sem fim! Pois a memória dos sabores e dos aromas é eterna.

Ingredientes

6 fatias de pão
3 ovos
125 g de açucar
Sumo de 1 laranja
Leite
Óleo

Preparação

Passe as fatias de pão por leite e, de seguida, pelos ovos batidos. Frite-as em óleo bem quente e coloque sobre papel absorvente.
Leve ao lume o açucar e o sumo da laranja até obter ponto pérola. Cubra as fatias com a calda e sirva.

Bom Apetite :)

29 de outubro de 2010

Nuvens com Doce de Ovos

Cozinhar é como contar uma história, com princípio... meio... e sem fim! Pois a memória dos sabores e dos aromas é eterna.

Ingredientes

8 claras
9 colheres de sopa de açucar
Margarina
Açucar

Para o creme
8 gemas
8 colheres de sopa de açucar
8 colheres de sopa de água

Preparação

Coloque os ingredientes para o creme dentro de um tacho e leve ao lume, mexendo sempre, até engrossar. Retire do lume e deixe arrefecer.
Bata as claras em castelo, junte o açucar.
Unte um pirex com margarina e açucar. Leve as claras ao forno a 200º durante 15 minutos.
Retire do forno. Deixe arrefecer e ponha o doce de ovos por cima.
Decore com amêndoa laminada. Sirva frio.

Bom Apetite :)

Torta de Laranja

Cozinhar é como contar uma história, com princípio... meio... e sem fim! Pois a memória dos sabores e dos aromas é eterna.


Ingredientes

350 g de açúcar
150 ml de sumo de laranja
Raspa de 1 laranja
8 ovos
80 g de manteiga derretida
1 colher de chá de farinha

Preparação

Coloque numa taça o açúcar, a farinha, a raspa da laranja, a manteiga, o sumo e os ovos inteiros. Mexa bem sem bater muito.
Forre um tabuleiro rectangular com papel vegetal e unte com manteiga. Aqueça o forno a 180º. Leve o preparado ao forno e deixe cozer durante cerca de 20 minutos.
Retire do forno e enrole a torta com a ajuda do papel vegetal, enquanto ainda estiver quente (auxilie com um pano de cozinha para não se queimar). Deixe arrefecer completamente. Depois de fria pode desenrolar, com cuidado, e recheie com doce de ovos ou doce de laranja.

Bom Apetite :)

Halloween - *A História*


*Excerto retirado de http://www.cantinhodomundo.com/*
“Halloween” ou Dia das Bruxas é uma festa típica da Inglaterra, Estados Unidos e Canadá que acontece tradicionalmente todos os anos, no dia 31 de outubro.

À noite, crianças e adolescentes, vestidos com fantasias de fantasmas, bruxas, múmias, drácula, duendes, gnomos, entre outras criaturas, e carregando abóboras iluminadas com velas, praticam o mesmo ritual: bater de porta em porta, pedindo doces aos moradores.
Em Portugal, a festa ainda se mistura com o dia de “Todos os Santos” no calendário, sendo que a sua expressão ainda é relativamente limitada.
Origens
O “Halloween” foi criado pelo povo celta, que viveu nas Ilhas Britânicas cinco séculos antes de Cristo. Eles inventaram a festa para marcar o fim oficial do verão, o início do ano novo, o término da última colheita, a renovação das leis, retorno dos rebanhos e armazenamento das provisões para o inverno.
A festa tinha vários nomes como Samhain, Samhein, La Samon e Festa do Sol. Mas o que prevaleceu foi “Halloween”, adaptada de “All Hallows Eve”, que significa véspera do Dia de Todos os Santos, comemorado a 1o de Novembro.
Para o povo druída, Samhain marcava o fim do verão com direito a um festival em sua homenagem, conhecido como Festival Druida de Samhain, comemorado em 31 de Outubro.
Segundo a lenda, as almas dos que morreram ao longo do ano voltavam para tomar os corpos dos vivos no ano que se iniciaria. Um dos rituais mais marcantes da festa eram as fogueiras acesas nas casas durante as comemorações. Os vivos que não queriam ser possuídos apagavam o fogo para que o local parecesse ser frio e indesejado, além de se vestirem com fantasias de criaturas assustadoras e desfilarem na vizinhança para afugentar os espíritos que vagavam.
A Lenda da Alma Penada
Além da bruxas e do gato preto, outro símbolo muito comum nas festas de Halloween é Jack O’Lantern, personagem de origem céltica, representado por uma abóbora com um rosto esculpido e uma vela iluminando seu interior.
Uma lenda irlandesa diz que num certo dia 31 de Outubro, um homem alcóolatra e agressivo chamado Jack bebeu demais e o Diabo descera à Terra para levar sua alma. Jack, então, pede-lhe para deixá-lo viver, além de mais um copo. O Diabo cede mas Jack não tem dinheiro para pagar e implora para que ele se transforme em moeda. O Diabo concorda e minutos depois, Jack vê a moeda, guardando-a na sua carteira. Só que o fecho tem o formato de uma cruz, fazendo com que o Diabo suplique para sair. Jack, então, resolve propor um trato: libertar o Diabo e ficar vivo por mais um ano. O Diabo não tem como não aceitar e concede o pedido a Jack, que resolve mudar seus hábitos, passando a ser menos violento com sua família.
No ano seguinte, exatamente no dia 31 de Outubro, o Diabo volta e reclama por sua alma. Jack convence-o a pegar uma maçã numa árvore próxima e sem que ele perceba, risca uma cruz no tronco com um canivete. O Diabo foge e promete só retornar dez anos depois. Mas Jack não aceita e diz que só irá libertá-lo se ele nunca mais aparecer. O Diabo concorda mais uma vez.
Um ano passa e Jack morre. Ao entrar no céu, é barrado, tendo que se dirigir ao inferno, onde sua entrada não é permitida pelo Diabo. Mesmo assim, ele fica com pena da alma de Jack e lhe oferece um pedaço de carvão que ele usa para iluminar um nabo esculpido em forma de lanterna. Ela vai iluminar os caminhos do espírito de Jack. Daí o nome Jack O’Lantern, uma alma errante vagando pelo mundo dos vivos.
As Áboboras
Conta a lenda que na festa de Samhain, as fogueiras das casas eram acesas a partir das brasas de uma fogueira sagrada. Para levar a brasa, os moradores usavam um nabo como se fosse um lampião. Daí, os irlandeses, assim como Jack, passaram a esculpir nabos e também beterrabas e usá-los como lanternas ou lampiões.
Quando emigraram para a América, não encontraram nabos e beterrabas em grande quantidade, tendo que trocar por abóboras. Desde então, fazem parte da decoração nas noites de Halloween. Elas também representam as almas dos mortos, segundo a lenda de Samhain.
“Trick or Treat”
Originária da Irlanda, a frase traduzida significa “doces ou partidas” e é usada pelas crianças e jovens no momento em que pedem doces na vizinhança.
Quem for solicitado, deve separar os doces num saquinho, caso contrário uma sofrer uma partida. Ou seja, dê um treat para não ganhar um trick.
Nos Estados Unidos, também é comum não só a troca de doces e guloseimas como de presentes entre os amigos na noite de “Halloween”.

Um bom Halloween para todos :) Divirtam-se!!!

Lulas Recheadas com Puré de Batata

Cozinhar é como contar uma história, com princípio... meio... e sem fim! Pois a memória dos sabores e dos aromas é eterna.
Ingredientes

Para as Lulas
1 Kg de lulas não muito pequenas
2 cebolas
2 dentes de alho
3 colheres de sopa de azeite
50 g de margarina
Pimenta
Sal
1 ramo de salsa
1 lata de tomate pelado
1 copo de vinho branco
2 cenouras
50 g bacon
100 g de carne picada
1 gema

Preparação das Lulas
Lave bem as lulas e reserve os tentáculos. Num tacho, aloure 1 cebola picada com uma colher de sopa de margarina e uma colher de sopa de azeite. Pique o bacon aos quadradinhos, chouriço, os tentáculos, um pouco de salsa e junte ao refogado juntamente com um tomate e a carne picada. Deixe cozer 5-10 minutos, tempere com pimenta. Retire do lume e envolva a gema do ovo.
Encha as lulas com este preparado e feche com um palito. (não encha as lulas demasiado para que não rebentem durante a cozedura.
Para o molho
Num tacho ponha a restante margarina, o azeite, as cebolas picadas, as cenouras cortadas aos cubos pequeninos, os restantes três tomates cortados em pedaços. Tempere com sal e pimenta e deixe cozinhar cerca de 10 minutos. Coloque as lulas que recheou neste refogado, com o vinho branco e a restante salsa e deixe cozinhar durante cerca de 1 hora em lume brando. Se o molho não for suficiente junte um pouco de água. Retire as lulas do tache e passe o molho pela varinha mágica. Coloque as lulas num prato de servir com o molho por cima e acompanhe com o puré.

Ingredientes para o puré
1 kg de batata
3 colheres de sopa de manteiga
400 ml de leite quente
Sal
Noz moscada

Preparação do Puré
Descasque as batatas, corte-as em cubos e ponha num tacho, coberto com água temperada com sal. Deixe cozer muito bem. Escorra-as e passe-as no passe-vite. Leve-as novamente ao lume e vá mexendo para o puré secar. Em seguida junte a manteiga e quando esta derreter acrescente o leite quente (conforme a espessura que quiser para o puré). Mexa bem, junte o sal e a noz moscada a gosto. Se desejar e para que o puré fique mais fofo, adicione 2 claras em castelo.

Bom Apetite :)

Bolinhas de Abóbora

Cozinhar é como contar uma história, com princípio... meio... e sem fim! Pois a memória dos sabores e dos aromas é eterna.

Ingredientes

750 g de farinha de trigo
30 g de fermento de padeiro
5 ovos
1 kg de abóbora cozida e escorrida
Água morna
Óleo
Açucar e canela para polvilhar

Preparação

Junte a farinha com o fermento desfeito num pouco de água morna, os ovps e a abóbora cozida em puré. Amasse tudo muito bem, tape e deixe repousar durante 24 horas.
Com o auxilio de uma colher de sopa, retire porções de massa e frite-as em óleo quente. Deixe-as escorrer sobre papel absorvente e polvilhe-as com açucar e canela.

Bom Apetite :)

28 de outubro de 2010

Bolo de Noz com Ovos Moles

Cozinhar é como contar uma história, com princípio... meio... e sem fim! Pois a memória dos sabores e dos aromas é eterna.


Ingredientes

5 ovos
300 g de açucar mascavado
300 g de miolo de noz moido
1 chávena de chá de ovos moles
Manteiga
Farinha
Açucar em pó

Preparação

Unte duas formas redondas e lisas com manteiga e polvilhe com farinha. Bata as gemas com o açucar e envolva as nozes. À parte bata as claras em castelo e junte-as à massa, misturando bem.
Divida a massa em 2 partes  pelas formas que já estão preparadas. Leve ao forno a 180º, durante cerca de 30 minutos. Retire os bolos, desenforme e barre um deles com os ovos moles (pode encontrar esta receita no nosso site). Coloque o segundo bolo por cima e polvilhe com o açucar em pó.

Bom Apetite :)

Ovos Moles

Cozinhar é como contar uma história, com princípio... meio... e sem fim! Pois a memória dos sabores e dos aromas é eterna.

Ingredientes

500 g de açucar
1.5 dl de água
55 g de arroz carolino
18 gemas

Preparação

Leve o açucar e a água ao lume até obter o ponto pérola. Reserve. Num outro tacho, coza o arroz em água abundante. Passe-o por uma peneira e junte-o à calda do açucar. Leve ao lume, deixe ferver e mexa até engrossar.
Retire o creme do lume e deixe arrefecer. Depois acrescente as gemas, cortadas com uma faca e coadas. Leve de novo ao lume até as gemas cozerem a até que a massa faça ponto estrada no fundo do tacho.
Enquanto coze o creme, mexa-o sempre para que não se garre às paredes do tacho. Obtido o ponto estrada, retire o preparado e sirva os ovos moles.

Nota: Pode também utilizar para rechear tortas ou bolos!

Bom Apetite :)

Bolo de Gila com cobertura Glacé

Cozinhar é como contar uma história, com princípio... meio... e sem fim! Pois a memória dos sabores e dos aromas é eterna.

Ingredientes

450 g de açucar
600 g de doce de gila
10 gemas
2 colheres de sopa de farinha
4 claras
Raspa de 1 laranja
0.5 dl de água
Manteiga
Farinha

Preparação

Ligue o forno a 180º. Unte uma forma redonda com manteiga e polvilhe-a com farinha. Num tacho ponha 300 g de açucar, junte o doce de gila, as gemas, a farinha, as claras e a raspa da laranja. Leve ao lume para engrossar um pouco, mexendo sempre.
Verta o preparado para a forma e leve a meio do forno durante cerca de 40 minutos. Retire, desenforme e deixe arrefecer.
Leve o restante açucar ao lume com a água e deixe ferver até atingir ponto-fio forte, retire e deixe arrefecer. Verta a calda sobre o bolo e deixe secar. Sirva.

Bom Apetite :)

27 de outubro de 2010

Receita da Francesinha Especial

Cozinhar é como contar uma história, com princípio... meio... e sem fim! Pois a memória dos sabores e dos aromas é eterna.


Receita de António Carriço
INGREDIENTES                             
- Pão de forma                                
- Fiambre                                    
- Queijo                                          
- Salsicha fresca ou normal            
- Bife de vaca                                  
- Mostarda q.b.                               
- Manteiga composta                      

INGREDIENTES DO MOLHO
3 Cebolas médias
2 Dentes de Alho
1 Folha de louro
½ Lata de Tomate pelado
2 Kg de ossos de vaca e porco
250 gr. de linguiça
Sal q.b.
Pimenta q.b.
25 cl. Vinho branco                                                                                                                                                                                                  50 cl. de cerveja
Óleo/Azeite q.b.                                                       
PREPARAÇÃO DO MOLHO DE CARNE (OBS.: ESTE MOLHO É FEITO EM DUAS FASES)

1.ª FASE

Comecemos por fazer um fundo (refogado) com os ingredientes mencionados ao qual juntamos os ossos. Deixa-se cozer durante, pelo menos duas horas, acrescentando água suficiente para obter um molho grosso; retiramos toda a carne dos ossos, misturamo-la com o molho e desfazemos tudo com a varinha.
2.ª FASETendo a base do molho pronta, desfazemos 200 gr. de farinha maizena em três litros de água aos quais juntamos a linguiça e deixa-se cozer durante trinta minutos; acrescentamos 50 cl. de polpa de tomate, umas gotas de molho inglês, 100 gr. de pimentão, 5 cl. de aguardente velha e 5 cl. de Porto Seco. Passa-se por um coador e está pronto a servir.


PREPARAÇÃO DA FRANCESINHA ESPECIAL


Recheiam-se duas fatias de pão cacete com manteiga composta, duas fatias de fiambre, dois bocadinhos de linguiça e meia salsicha aberta ao meio e põe-se a tostar; entretanto, frita-se um bifinho com cerca de 80 gr. e coloca-se dentro com duas fatias de queijo e um pouco de mostarda; por cima, dispõe-se quatro fatias de queijo, leva-se ao forno para derreter e decora-se a gosto. Serve-se com molho de carne bem quente.

Bom Apetite :)

Mini Rabanadas

Cozinhar é como contar uma história, com princípio... meio... e sem fim! Pois a memória dos sabores e dos aromas é eterna.

Ingredientes

16 Fatias de pão de cacete (compre o cacete 2 dias antes)
200 g de açucar
1 dl de água
1 dl de vinho do Porto
4 ovos
1 l de óleo
40 g de açucar
20 g de canela em pó
Para o molho:
1 dl de vinho do Porto
200 g de framboesas congeladas
1 colher de chá de farinha maizena
100 g de açucar

Preparação

Ferver a água com o vinho do Porto durante 3 minutos. Corte codelas do cacete retirando a côdea e passe pela calda anterior e escorra bem. Passe as fatias por ovo batido e frite em óleo bem quente dos dois lados. Retire e coloque em cima de papel absorvente. Misture o açucar com a canela, passe as rabanadas pelo preparado e coloque-as num prato.
Leve a cozer as framboesas com o vinho do Porto e com o açucar. Deixe ferver durante 4 minutos e passe pela varinha mágica. Dissolva a farinha num pouco de água fria, acrescente-a ao molho e deixe ferver. Retire, deixe arrefecer e sirva com as rabanadas.

Bom Apetite :)

Massa com Cogumelos

Cozinhar é como contar uma história, com princípio... meio... e sem fim! Pois a memória dos sabores e dos aromas é eterna.

Ingredientes

1 lata de cogumelos cortados
350 g de esparguete
2 dentes de alho picados
40 g de manteiga
2 dl de natas
Sal e pimenta
Preparação

Coza o esparguete em água a ferver temperada com sal e um fio de azeite, durante cerca de 10 minutos, para ficar al-dente. Leve uma frigideira ao lume com a manteiga, junte os cogumelos escorridos e deixe cozinhar até ficarem douradinhos. Junte o alho picado, mexa, junte as natas, tempere de sal e pimenta e deixe ferver. Escorra o esparguete e junte-o aos preparado com os cogumelos, misture bem e sirva quente. Pode condimentar com salsa picada ou com queijo ralado.

Bom Apetite :)

Pudim Abade de Priscos

Cozinhar é como contar uma história, com princípio... meio... e sem fim! Pois a memória dos sabores e dos aromas é eterna.

Ingredientes

650 g de açucar
2,5 dl de água
1 casca de limão
2 paus de canela
60 g de presunto
16 gemas
0,5 dl de vinho do Porto

Preparação

Leve ao lume 150 g e leve ao lume até fazer caramelo. Barra uma forma de pudim com este caramelo.
Coloque o restante açucar num tacho, junte a água, a casca do limão, os paus de canela e o presunto e leve ao lume até atingir o ponto de pérola. Retire do lume, passe por um passador de rede e deixe arrefecer.
Ligue o forno a 170º. Bata as gemas com o vinho do Porto e junte à calda em fio, batendo sempre e verta na forma. Leve ao forno em banho-maria durante cerca de 45 minutos. Retire, deixe arrefecer, desenforme e sirva frio.

Bom Apetite :)

Toucinho do céu de Portalegre



Ingredientes

1 kg de açucar
1 kg de miolo de amêndoa em pó
12 gemas
Manteiga para untar
Farinha para polvilhar
Açucar em pó para polvilhar
Papel vegetal

Preparação

Coloque o açucar num tacho, junte água té cobrir e leve oa lume, deixando ferver até obter um ponto de pérola. Junte o miolo de amêndoa, mexa bem. Retire do lume e deixe arrefecer um pouco.
Aqueça o forno a 180º. Bata as gemas, adicione ao preparado anterior batendo muito bem e leve novamente ao lume brando, mexendo continuamente até obter uma mistura mais espessa. Quando levantar fervura, retire do lume e reserve.
Unte com a manteiga um tabuleiro rectangular, forre com o papel vegetal, unte novamente com manteiga e polvilhe com farinha. Coloque a mistura na forma e leve ao forno durante cerca de 25 minutos.
retire do forno, desenforme, deixe arrefecer, polvilhe com bastante açucar em pó e sirva cortado em cubos.

Bom Apetite :)

Toucinho do Céu do Convento



Ingredientes

7 gemas
6 ovos inteiros
400 g de açucar
300 g de doce de gila
500 g de miolo de amêndoa em pó
Margarina para untar
Açucar em pó para polvilhar
Miolo de amêndoa inteiro e sem pele
Papel vegetal

Preparação

Aqueça o forno a 180º. Unte uma forma com margarina, forre-a com papel vegetal e unte o papel com margarina. Bata as gemas e os ovos com o açucar até obter uma textura cremosa. Junte o doce de gila e a amêndoa em pó e bata rapidamente. Deite o preparado na forma redonda e leve ao forno durante cerca de 45 minutos. Desenforme e sirva polvilhado com açucar em pó e decorado com as amêndoas inteiras sem pele.

Bom Apetite :)

Lombo de Bacalhau à Mestre


Espaço para Saborear!

Ingredientes

0,5 de bacalhau alto
3 dl de leite
3 dl de azeite
0,25 g de broa de milho ralada
0,5 kg cebolinhas pequenas
3 dentes de alho
5 batatas
300 g de cogumelos frescos
Sal

Preparação
  • Depois de demolhado, colaque o bacalhau em leite durente 4 horas.
  • Passa-se pelo pão ralado e leva-se a alourar no azeite e alho.
  • Cortam-se as batatas e as cebolinhas que vão ao forno com o bacalhau e, no final adicionam-se os cogumelos salteados com azeite e alho.
Bom Apetite :)

Bacalhau Conventual


Espaço para Saborear!

Ingredientes

600 g de bacalhau
300 g de cenoura
200 g de batata
2 cebolas
1,2 l natas
3 dentes de alho
1,2 l leite
100 g de farinha
200 g de margarina
Sal, pimenta, alho e açafrão
6 dl de azeite
Meia alface

Preparação
  • Coza o bacalhau.
  • Rale a cenoura, pique a cebola e o alho e coloque tudo a refogar com azeite.
  • Descasque as batatas e corte-as aos cubos para as cozer de seguida.
  • Depois, desfie o bacalhau e junte-o ao refogado, juntamente com as batatas.
  • Faça um molho branco e junte-o ao preparado
  • Leve ao forno a gratinar e, por fim, sirva bem quente.
  • Acompanhe com uma salada de alface com cenoura ralada e tomate.
Molho Branco:
Ferva o leite
Derreta a margarina, junte a farinha e mexa bem até obter uma pasta homogênea
Aos poucos, acrescente o leite, as natas e bata, constantemente, para não encaroçar.
Deixe cozinhar por alguns minutos e tempere com sal, noz-moscada e pimenta

Bom Apetite :)

26 de outubro de 2010

Pataniscas de Bacalhau

Cozinhar é como contar uma história, com princípio... meio... e sem fim! Pois a memória dos sabores e dos aromas é eterna.


Ingredientes

3 postas de bacalhau
1 cebola
170 g de farinha
1 colher de sopa de azeite
Salsa picada
Sal
Pimenta
4 ovos
1 dl de água com gás
Óleo para fritar

Preparação
  • Demolhe o bacalhau. Coza, escorra e retire-lhe as espinhas e a pele e lasque-o
  • Pique a cebola fininha, coloque numa tigela, junte a farinha, o azeite e a salsa picada. Tempere com sal e pimenta, junte as gemas e mexa. Adicione a água com gás, bata bem, junte o bacalhau e misture. Bata as claras em castelo e envolva-as devagar ao preparado anterior.
  • Aqueça o óleo e vá colocando colheradas. Deixe fritar. Coloque num papel absorvente.
  • Sirva com um arroz de grelos, ou outro da sua preferência
Bom Apetite :)

Pudim de Ovos Moles

Cozinhar é como contar uma história, com princípio... meio... e sem fim! Pois a memória dos sabores e dos aromas é eterna.


Ingredientes

24 gemas
650 g de açucar
2,5 dl de água

Preparação
  • Escorra as gemas para dentro de um recipiente através de um passador. Reserve.
  • Leve ao lume numa frigideira antiaderente, 150 g de açucar até obter caramelo e unte com ele uma forma de pudim
  • Pré-aqueça o forno a 180º. Leve ao lume os restantes 500 g de açucar com a água e deixe ferver até obter o ponto pérola. Retire do lume, deixe amornar e junte à tigela das gemas, em fio e nunca deixando de mexer
  • Ponha a mistura anterior para a forma  caramelizada e leve ao forno, em banho-maria, durante 40 minutos. Espete um palito ou um fósforo para verificar se está cozido. Retire do forno e deixe arrefecer
  • Desenforme e sirva frio
Bom Apetite :)

Iscas de Cebolada

Cozinhar é como contar uma história, com princípio... meio... e sem fim! Pois a memória dos sabores e dos aromas é eterna.


Ingredientes

600 g de fígado de porco cortado às fatias finas
2 cebolas
3 dentes de alho
1 folha de louro
2 dl de vinho branco
Sal
Pimenta
750 g de batatas pequenas
2 colheres de sopa de banha
Salsa picada
Azeitonas pretas

Preparação
  • Pique os alhos e corte as cebolas às rodelas.
  • Tempere os bifes do fígado com os dentes de alho, o louro, vinho branco, sal e pimenta. Deixe marinar cerca de 30 minutos
  • Descasque as batatas, corte-as ao meio e coza em água com sal
  • Derreta a banha numa frigideira e junte as iscas escorridas da marinada. Frite-as de ambos os lados. Coloque-as num prato e mantenha a frigideira no lume. Junte as rodelas de cebola e deixe cozinhar até amolecerem sem queimar). Depois adicione a marinada das iscas e deixe cozer.
  • Junte as batatas escorridas às iscas e regue com o molho da frigideira. Polvilhe com a salsa picada e decore com as azeitonas
Bom Apetite :)

Pão de Ló

Cozinhar é como contar uma história, com princípio... meio... e sem fim! Pois a memória dos sabores e dos aromas é eterna.

Ingredientes

18 gemas
6 ovos inteiros
500 g de açucar
250 g de farinha
1 pitada de sal
Raspa de 1 limão
1 folha de papel almaço para forrar a forma

Preparação

Corte a folha de papel de almaço em quatro partes e forre com elas uma forma de chaminé. Aqueça o forno a 180º.
Numa tigela coloque as gemas e os ovos, junte o açucar e bata durante 30 minutos. Adicione depois a farinha peneirada, a pitada de sal e a raspa do limão e misture muito bem.
Coloque o preparado na forma forrada e leve ao forno durante cerca de 30 minutos ( o interior do pão de ló deve ficar ligeiramente húmido).
Retire do forno, deixe arrefecer, desenforme com o papel e sirva frio.

Bom Apetite :)

25 de outubro de 2010

Massa com Alho e Coentros

Cozinhar é como contar uma história, com princípio... meio... e sem fim! Pois a memória dos sabores e dos aromas é eterna.




Ingredientes




250 g de esparguete
1 ramo de coentros bem picados
6 dentes de alho
50 g de margarina
sal
Água

Azeite





Preparação



Ponha um tacho com água e sal ao lume e quando começar a ferver coloque a massa. Deixar cozer. Passe a massa para um escorredor e passe-a por água fria.
Deixar derreter a margarina e um fio de azeite com o alho até alourar, deitar a massa e os coentros picados e envolver até estar quente e pronta a servir.



Bom Apetite :)

Bolinhos de Amêndoa e Mel

Cozinhar é como contar uma história, com princípio... meio... e sem fim! Pois a memória dos sabores e dos aromas é eterna.

Ingredientes

3 ovos
80 g de açucar
5 colheres de sopa de mel
3 colheres de sopa de azeite
100 g de farinha
1 pitada de fermento em pó
50 g de miolo de amêndoa laminado
Margarina para untar
Farinha para polvilhar
Açucar em pó para polvilhar

Preparação

Barre 12 formas pequeninas (tipo queques) com margarina e polvilhe com farinha. Aqueça o forno a 180º.
Separe as gemas das claras, junte o açucar às gemas e bata até ficar um creme fofo e esbranquiçado. Junte o mel e o azeite, misture, junte a farinha e o fermento e mexa.
Bata as claras em castelo e adicione-as cuidadosamente ao preparado anterior com uma vara de arames.
Divida a massa pelas formas untadas sem encher demasiado. Polvilhe a superficie com as amêndoas laminadas e um pouco de açucar em pó.
Coloque-as num tabuleiro e leve ao forno durante cerca de 20 minutos.
Retire, desenforme, deixe arrefecer e sirva.

Bom Apetite :)

Dica da Semana - Peixe Frito

Cozinhar é como contar uma história, com princípio... meio... e sem fim! Pois a memória dos sabores e dos aromas é eterna.


Peixe frito:
Quando fritar peixe, em vez de passar por farinha branca, experimente passar o peixe temperado com sal por farinha de milho. Fica muito mais saboroso.

Bom Apetite :)

Espera-maridos

Cozinhar é como contar uma história, com princípio... meio... e sem fim! Pois a memória dos sabores e dos aromas é eterna.

Ingredientes

7 ovos
280 g de açucar
1 dl de água
Canela em pó e paus de canela

Preparação

Coloque o açucar num tacho, junte a água, leve ao lume e deixe ferver durante 10 minutos. Retire e deixe arrefecer um pouco.
Bata os ovos ligeiramente e junte-os ao tacho, em fio e mexendo sempre com um garfo. leve de novo so lume, mexendo sempre até obter uma mistura espessa.
Retire do lume e ponha em taças. Deixe arrefecer. Silva polvilhado de canela e decorado com os paus de canela.

Bom Apetite :)

Ovos mexidos com Espargos e Chouriço

Cozinhar é como contar uma história, com princípio... meio... e sem fim! Pois a memória dos sabores e dos aromas é eterna.

Ingredientes

250 g de espargos verdes frescos
Sal
Pimenta
3 dentes de alho
1 chouriço médio
8 ovos
0,5 dl de azeite

Preparação
  • Arranje os espargos e coza-os em água e sal. Reserve-os, passe por água fria. Deixe-os escorrer e corte-os em pedaços pequenos
  • Pique bem o alho. Tire a pele do chouriço e corte em cubos pequenos. Bata os ovos e tempere com sal e pimenta
  • Frite o chouriço numa frigideira com azeite, Junte o alho, mexa, adicione os ovos e os espargos. Retire do lume e sirva com pão
Bom Apetite :)

24 de outubro de 2010

Entradas no Azeite

Cozinhar é como contar uma história, com princípio... meio... e sem fim! Pois a memória dos sabores e dos aromas é eterna.

Para as azeitonas

100 g de azeitonas pretas
3 alhos finamente picados
Pimenta e sal
Oregãos
Azeite

Coloque as azeitonas numa taça e tempere com os alhos bem picadinhos, sal, pimenta, oregãos e um bom fio de azeite. Envolva e deixe repousar 20 minutos, para que os aromas se envolvam. Sirva como entrada

Para o queijo

1 queijo de cabra fresco
Oregãos
Azeite

Corte o queijo em fatias e tempre com os oregãos e um fio de azeite. Sirva com entrada.

Para o alho no azeite

Azeite de boa qualidade
2 dentes de alho esmagados

Descasque os alhos e esmague-os. Coloque numa taça pequena e mergulhe-os em azeite. Sirva com entrada para molhar o pão saloio.

Bom Apetite :)

23 de outubro de 2010

Bolo de Aniversário (Chocolate e Chantilly)

Cozinhar é como contar uma história, com princípio... meio... e sem fim! Pois a memória dos sabores e dos aromas é eterna.


Ingredientes
400 g de farinha
300 g de açucar
300 g de chocolate em pó
100 g de margarina
6 ovos grandes
240 g de óleo
300 ml de água morna
Para recheio e cobertura
4 folhas de gelatina
Corante alimentar amarelo
3 pacotes de natas frescas
200 g de açucar em pó
Lápis pasteleiro para escrever

Preparação
Misture os ovos e o açucar e bata até obter uma textura bem cremosa e esbranquiçada. Junte a farinha peneirada, o chocolate, a margarina, o óleo e a água. Coloque a massa numa forma redonda grande, untada com manteiga e farinha e leve ao forno pré-aquecido a 180º, cerca de 1h 30 minutos (vá verificando com um palito, quando sair seco está pronto). Retire do forno, espere cerca de 20 minutos e desenforme. Deixe arrefecer completamente antes de colocar a cobertura.
Cobertura e Recheio
Coloque as folhas de gelatina num recipiente com água e deixe estar durante 15 minutos.
Coloque cerca de 5 colheres de sopa de natas ao lume. Escorra as folhas da gelatina e coloque-as nesta porção de natas quentes para que dissolvam. Reserve e deixe arrefecer um pouco.
Bata as natas bem firmes. Adicione 200 g de açucar em pó (controle o açucar a seu gosto). Adicione a gelatina já derretida neste preparado e mexa. Retire cerca de 8 colheres de sopa destas natas para uma tigela à parte e junte o corante até atingir a cor que deseja. ( as cores utilizadas são meramente indicativas, pelo que pode e deve utilizar as cores a seu gosto).
Abra o bolo ao meio na horizontal. Recheie com natas. Barre todo o bolo com as natas brancas por cima e dos lados. Utilze uma seringa de cozinha ou um saco pasteleiro para decorar o bolo a seu gosto com as natas onde juntou o corante amarelo.
Escreva o que desejar com o lápis colorido para bolos.

Bom Aniversário :)

22 de outubro de 2010

Bolachinhas

Cozinhar é como contar uma história, com princípio... meio... e sem fim! Pois a memória dos sabores e dos aromas é eterna.

Ingredientes

250 g de açucar
250 g de farinha
4 ovos
Margarina para untar e farinha para polvilhar

Preparação
  • Coloque os ovos numa tigela, junte o açucar e bata com a batedeira durante 15 minutos, até ficar um creme bem fofo
  • Ligue o forno a 180º. Barre um tabuleiro com margarina e polvilhe com farinha
  • Junte a farinha à mistura dos ovos, aos poucos e batendo sempre. Coloque colheradas da massa no tabuleiro, afastadas umas das outras
  • Leve ao forno durante cerca de 30 minutos. Retire do forno e deixe arrefecer. Descole as bolachas e sirva
Bom Apetite :)

Ovos Pardos

Cozinhar é como contar uma história, com princípio... meio... e sem fim! Pois a memória dos sabores e dos aromas é eterna.
O Barriguinhas aqui vos deixa uma das várias sugestões que serão publicadas futuramente, dos Doces Conventuais!

Ingredientes

1 kg de açucar
18 Ovos
Canela
Água

Preparação

Leve o açucar ao lume aaté fazer um caramelo fraco.
Junte 50 m de água, quando o ponto do açucar ainda tiver pouca cor.
Num recipiente à parte bata 4 ovos inteiros e 14 gemas, juntando um pouco de canela (a gosto).
Deitar a mistura dos ovos no caramelo a ferver e mexer com uma colher de pau (devagar) com o movimente vai-vem (não mexa em circulos), até formar os fios de ovo.
Retire do lume. Deve estar molhadinho.
Divida por tigelinhas pequenas (uma vez que é um pouco doce e pode tornar-se enjoativo, deve servir quantidades pequenas), deixe arrefecer e sirva bem frio polvilhado com canela.

Bom Apetite :)

Pão-de-Ló de Santa Rosa

Cozinhar é como contar uma história, com princípio... meio... e sem fim! Pois a memória dos sabores e dos aromas é eterna.

Ingredientes

250 g de açucar amarelo
6 ovos
Raspa de meio limão
125 g de farinha
Manteiga e farinha para barrar a forma

Preparação
  • Aqueça o forno a 180º
  • Envolva bem as gemas com o açucar e a raspa do limão
  • Bata as claras em castelo bem firme e misture-as no creme anterior
  • De seguida junte a farinha
  • Unte uma forma redonda de chaminé, com a manteiga e polvilhe com  farinha
  • Leve 35 minutos ao forno
  • Desenforme quando estiver morno e sirva frio
Bom Apetite :)

Frango com Esparregado


Espaço para Saborear!

Ingredientes

1,2 Kg de frango
Sal e pimenta
1 colher de sopa de massa de pimentão
Sumo de 1/2 limão
5 dentes de alho
1 molho de espinafres
Noz moscada
0,5 dl de azeite
57 g de farinha e 1 dl de leite
1 colher de sopa de vinagre
Óleo ou azeite para fritar
1 ramo de salsa

Preparação
  • Corte o frango aos pedaços pequenos e tempere-os com sal, pimenta, massa de pimentão, o sumo do limão e metade do alho esmagado
  • Coza os espinafres durente 3 minutos. Pique-os grosseiramente e salteie-os no azeite quente com o restante alho picado. Polvilhe com uma colher de sopa de farinha e envolva bem
  • Regue com o leite, mexendo até obter um preparado cremoso (se necessário utilize a varinha mágica). Rectifique os temperos e junte o vinagre e a noz moscada. Envolva e reserve
  • Passe o frango por farinha e frite-o na gordura quente. Escorra e decore com salsa fresca, acompanahndo com o esparregado.
Bom Apetite :)

21 de outubro de 2010

Tarte de Frango


Espaço para Saborear!

Ingredientes

400 g de massa folhada congelada
1 kg de frango e sal
1 talo de aipo e 1 cenoura
Pimenta e 1 cebola
2 dentes de alho
2 colheres de sopa de manteiga
100 g de bacon
250 g de feijão branco cozido
1 colher de chá de caril e 1 ramo de hortelã
1 colher de sopa de margarina e 1 ovo
1 dl de molho bechamel de compra
1 gema e 100 g de tomate-cereja

Preparação
  • Coloque a massa folhada a descongelar à temperatura ambiente
  • Coza o frango em água temperada com sal juntamente com o aipo, a cenoura inteira e pimenta, por aproximadamente 45 minutos. Deixe arrefecer dentro do caldo
  • Refogue a cebola e os alhos picados na manteiga. Adicione o feijão e tempere com o caril
  • Envolva o frango desfiado e junte cerca de 1 dl do caldo da cozedura, cozinhando até o liquido evaporar. nessa altura, acrescente a cenoura e o aipo em pedaços, rectifique os temperos e junte hortelã picada
  • Estenda a massa em formato quadrado 30x30 e forre uma tarteira  de 25cm previamente untada com margarina. Coloque o preparado e cubra com a mistura do ovo batido e o bechamel
  • Por fim, dobre as pontas da massa sobre o recheio e pibcele com uma gema de ovo. Leve ao forno durante 35 minutos aprox. a 200º
Bom Apetite :)

20 de outubro de 2010

Manjar Celeste

Cozinhar é como contar uma história, com princípio... meio... e sem fim! Pois a memória dos sabores e dos aromas é eterna.


Ingredientes

1 kg de açucar
500 g de requeijão
12 gemas
 5 dl de água

Preparação
  • Aqueça o forno a 180º.
  • Coloque o açucar num tacho juntamente com a água e leve ao lume até obter o ponto de pérola.
  • Passe o requeijão por um passador de rede e adicione ao preparado anterior.
  • Mexa e deixe ferver durante cerca de 4 minutos
  • Retire do lume
  • Bata as gemas numa tigela à parte e junte ao preparado anterior, em fio e mexendo sempre.
  • Leve novamente ao lume até engrossar
  • Ponha num recipiente de ir ao forno até que fique coradinho por cima.
  • Deixe arrefecer completamente e sirva
Bom Apetite :)

Mousse de Manga


Espaço para Saborear!

Ingredientes

1 lata de polpa de manga
1 lata de leite condensado
2 iogurtes naturais

Preparação

Misture todos os ingredientes e bata com a batedeira, até obter um creme.
Leve ao frigorífico e sirva frio.

Bom Apetite :)

Frango de Fricassé


Espaço para Saborear!

Ingredientes

1 frango com 1,2 Kg
Sal e pimenta
1 ramo de tomilho
2 colheres de sopa de manteiga
1 colher de chá de açafrão
1 cebola
4 dentes de alho
1 dl de vinho branco
2 dl de água
2 dl de natas
Para o arroz:
3 dentes de alho
0.5dl de azeite
300 g de arroz
6 dl de água
Sal
1 ramo de coentros
Para o Fricassé:
2 gemas e 1 limão
1 colher de sopa de mostarda

Preparação
  • Comece por cortar o frango aos pedaços médios e tempere-os com sal, pimenta e tomilho. Leve a corar na manteiga e junte o açafrão, a cebola e os alhos picados, deixando refogar ligeiramente.
  • Regue com o vinho e, assim que ferver, regue com a água. Cozinhe lentamente durante cerca de 25 minutos. Adicione as natas e cozinhe lentamente por mais dez minutos.
  • Para o arroz, refogue ligeiramente o alho picado no azeite e envolva o arroz. Regue com a água, tempere com sal e cozinhe lentamente com o tacho tapado por aproximadamente 10 minutos. Envolva os coentrso grosseiramente picados e reserve.
  • Para o fricassé, envolva as gemas com o sumo de meio limão e a mostarda e deite no molho da carne, mexendo sempre até ficar cremoso. Depois de colocar numa travessa de servir, decore com rodelas do restante limão e sirva o arroz à parte.
Bom Apetite :)

19 de outubro de 2010

Migas Gatas Com Bacalhau


Receita Típica de Arraiolos
Espaço para Saborear!

Ingredientes

2 dl de azeite
120 g de bacalhau
1 molho de poejos
500 g de pão
2 dentes de alho

Preparação
  • Preparar o tacho com azeite e alhos picados.
  • Refogar o bacalhau com os poejos picados.
  • Juntar o pão e bater muito bem com a espátula até ficar uma massa macia e servir.
Bom Apetite

Eventos Gastronómicos Novembro

Caros leitores, se tiverem possibilidade, não percam estas sugestões!

ALCOBAÇA
MOSTRA INTERNACIONAL DE DOCES E LICORES CONVENTUAIS DE ALCOBAÇA 
(Mês de Novembro)
Local: Mosteiro de Alcobaça

Das cozinhas dos mosteiros e dos conventos surgiram as mais maravilhosas doçarias, confeccionadas à base de açúcar e ovos.
Durante muitos séculos essas receitas ficaram no segredo dos deuses, mas com a abertura ao exterior, os segredos foram-se desvendando e hoje, as melhores delícias podem ser degustadas na mais carismática Mostra Internacional de Doces Conventuais.

O amarelo-torrado é a cor predominante do mês de Novembro na cidade de Alcobaça, mais especificamente, ao longo das salas do Mosteiro de Alcobaça.

ARRUDA DOS VINHOS
FESTA DA VINHA E DO VINHO
(1ª semana de Novembro)
Local: Pavilhão Multiusos

Com o objectivo de promover os néctares que dão nome a esta terra, esta importante mostra de vinhos é hoje reconhecida a nível nacional, não só pelos bons vinhos e gastronomia mas também pelo ambiente ímpar ali vivido. Artesanato, animação musical e desportiva são alguns dos ingredientes que atraem milhares de visitantes. Não deixe de visitar o pitoresco Chafariz Pombalino, a Igreja Manuelina, a Adega Cooperativa e fazer uma refeição no restaurante O Fuso. A importância do vinho nesta região é demonstrada pelas várias provas durante o certame.

TORRES VEDRAS

FESTA DAS FREGUESIAS/MOSTRA DE VINHOS
Mês de Novembro
Local: Parque Nacional de Exposições

Torres Vedras, terra famosa pelos seus vinhedos, produtores de óptimos vinhos, é ainda famosa pelos saborosos pastéis de feijão e pelo “Carnaval mais português de Portugal”. Durante uma semana realiza a sua Feira das Freguesias/Mostra de Vinhos, com exposição de vinhos da Região, associado a um intenso programa de animação em que se destaca O Festival Internacional de Acordeão, complementado com exposições, teatro, etc..
No decorrer do certame haverá provas de vinhos, de doçaria tradicional, água-pé e castanhas.

Empadão de Atum


Espaço para Saborear!

Ingredientes

2 latas de atum
1 cebola
3 dentes de alho
2 tomates maduros
Azeite
Vinho branco
Puré de batata (use o instatâneo se tiver pressa, caso tenha tempo faça o puré caseiro)
1 ovo

Para o puré:
Coza seis batatas grandes
Passe no passe-vite e leve novamente ao lume com leite (vá colocando a quantidade de leite até o puré ter a espessura que gosta), 50 g de margarina, sal, pimenta e noz moscada a gosto. Mexa bem.

Preparação

Faça um regogado com a cebola, o alho, o tomate, azeite e vinho branco. Se gostar pode juntar um pouco de pimento ou até beringela, ao refogado. Junte o atum e deixe apurar alguns minutos. Unte um pirex com margarina e coloque uma camada com metade do puré, no meio o refogado do atum e termine com o resto do puré. Bata um ovo numa tigela e pincele o empadão. Leve ao forno já quente a 200º, durante cerca de 15-20 minutos até corar.

Bom Apetite :)
Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...
Pin It button on image hover